Ir para o conteúdo principal

Algumas dicas para proteger seu blog WordPress

Divi: o tema WordPress mais fácil de usar

Divi: O melhor tema WordPress de todos os tempos!

mais Downloads 600.000Divi é o tema WordPress mais popular do mundo. É completo, fácil de usar e vem com mais de modelos livres 62. [Recomendado]

Empresas de todos os tamanhos, blogueiros, PMEs, empresas de comércio eletrônico, grandes corporações, todos sabem que é importante ter um site. Sem isso, uma empresa gastará mais tempo e precisará de mais mão-de-obra para obter reconhecimento da marca e converter leads.

Além disso, se sua empresa não tiver um site, você confiará nas classificações de clientes de sites como Yelp, Glassdoor, mídia social e outros sites que estão fora de seu controle.

Você não pode deixar que isso aconteça.

Um site é uma parte essencial da identidade de cada empresa. É como parte de sua empresa conversando diretamente com seu público, você quer garantir que ele ofereça uma experiência segura, confiável e profissional. Seu site é uma extensão de sua marca, sua empresa, por isso é importante ter controle total sobre sua identidade online.

Como garantir a privacidade do seu site para os visitantes

Qualquer que seja o seu tipo ou tamanho de empresa, é importante estar ciente dos riscos que os visitantes incorrem quando chegam ao seu site. Eles esperam que as informações fornecidas sejam respeitadas e bem conservadas. Portanto, se você deseja ter a confiança de seus clientes e mantê-la, deve tomar as medidas apropriadas para proteger seu site.

1 - Invista em uma boa acomodação

En hospedando seu site WordPress em um provedor confiável, você alcança o primeiro passo para proteger seu site e proteger a privacidade de seus visitantes. Serviços de hospedagem confiáveis ​​fornecem várias garantias, geralmente com backups automáticos do seu site.

Se você não tiver certeza se seu host atual ou outras pessoas estão procurando, forneça esse tipo de serviço; Se você deseja saber se o host em questão tem problemas para gerenciar seus servidores, sempre pode procurar aconselhamento daqueles que já usam seus serviços.

2 - Use um CDN

Nesse momento, você deve estar se perguntando por que sugerimos investir em outro tipo de acomodação extra. Bem, uma CDN (rede de distribuição de conteúdo) não é realmente um serviço de hospedagem. Uma CDN está no topo da sua hospedagem e acelera a entrega de conteúdo estático.

Crie facilmente seu site com Elementor

Elementor permite criar facilmente qualquer design de site com uma aparência profissional. Pare de pagar caro pelo que você pode fazer por si mesmo. [Grátis]

maxcdn-rede solução CDN

Ele permite que seu blog seja rápido, o que pode ser uma prova de confiabilidade dos visitantes.

3 - Configure o SSL no seu blog

Para todos os sites que usam informações confidenciais, o SSL (Secure Sockets Layer) é indispensável. Ter um host confiável é garantir, entre outras coisas, que ele também ofereça um serviço SSL. Se não for esse o caso, outras pessoas podem emitir certificados válidos, é o caso de Vamos criptografar.

Você está procurando os melhores temas e plugins do WordPress?

Baixe os melhores plugins e temas WordPress no Envato e crie facilmente o seu site. Já mais do que 49.720.000 downloads. [EXCLUSIVO]

O principal objetivo do SSL é criar uma camada extra de proteção (através de criptografia) Para obter informações seus visitantes (clientes). Além disso, a criptografia SSL oferece uma vantagem de SEO sobre o Google e outros mecanismos de pesquisa.

4 - Considere a proteção DDoS

Os hackers podem querer invadir seu blog para atingir outra rede. Essa é uma das razões para esse tipo de ataque. Os hackers usam vários métodos para direcionar uma enorme quantidade de tráfego para um site na esperança de forçar o site a bloquear e negar acesso.

Se sua empresa é uma empresa maior e / ou você faz muitos negócios, investir na proteção contra DDoS não é uma má idéia. O dinheiro que você perderá se sofrer um ataque DDoS certamente não tem nada a ver com o que você tem que investir. Várias soluções CDN oferecem proteção DDoS, este é o caso de Incapsula.

5 - Instale um firewall

Seu provedor de hospedagem normalmente deve ter um firewall instalado em seus servidores. O firewall protege você contra visitantes indesejados, embora não seja uma solução absoluta, ele adiciona uma camada extra de segurança ao seu site.

Serviços ConfigServer oferece um firewall gratuito que você pode usar gratuitamente. Se você não souber como instalar um firewall, entre em contato com o seu provedor de hospedagem. Para acomodações compartilhadas, ele pode fazer isso facilmente.

6 - Verifique seus plugins várias vezes antes de instalá-los

A maioria das vulnerabilidades dos sites WordPress vem de plug-ins (e até de temas). A equipe de segurança do WordPress analisa todos os plugins enviados no WordPress.org, mas essa verificação não garante a confiabilidade do 100% dos plugins. Você deve observar constantemente a evolução de seus plug-ins, incluindo permanecer conectado às atualizações de notícias de cada plug-in.

7 - Desativar o relatório de erros

Você sabia que quando seu site retorna um erro na interface pública, alguém pode vê-lo? Os hackers sabem disso e exploram essas informações para acessar seu site.

Essa é a razão pela qual você deve desativar os erros no seu site. O método mais simples é excluir a linha que contém apenas a constante " WP_DEBUG Ou simplesmente defina "false" para essa constante.

8 - Restrinja o acesso ao seu site

Restringir o acesso ao seu site não é apenas uma maneira de se livrar dos hackers, mas também é uma maneira de garantir que todos que acessam o site sejam legitimamente para um propósito legítimo. Aqui está o que você pode fazer para melhorar as coisas.

Crie facilmente sua loja online

Baixe gratuitamente o WooCommerce, os melhores plugins de e-commerce para vender seus produtos físicos e digitais no WordPress. [Recomendado]

  • Atualize suas chaves de segurança regularmente
  • Você também precisará desativar a acessibilidade do arquivo. Assim, a exclusão ou edição dos arquivos será feita apenas através do FTP
  • Desative o gerenciador de diretórios (você precisa entrar em contato com seu provedor de hospedagem para saber mais).

Resumir

Gerenciar um site não é uma tarefa fácil. Você sempre deve vigiá-lo e monitorar cada vez que o tráfego está mudando no seu site (descobrir como instalar o Google Analytics em seu blog WordPress).

Se você tiver alguma dúvida, não hesite em perguntar no formulário de comentários abaixo.

Este artigo contém comentários 0

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

Este site usa Akismet para reduzir indesejados. Saiba mais sobre como seus dados de comentários são usados.

De volta ao topo
5 ações
ação1
chilrear
Enregistrer4